Terça-feira, 24 de Novembro de 2020
Polícia

Operação da Polícia Civil de Rolante, Três Coroas e Igrejinha prende indivíduos envolvidos em crimes na região

Publicada em 27/10/20 às 16:19h - 292 visualizações

por Conexão Noticias


Compartilhe
   

Link da Notícia:

 (Foto: Polícia Civil )
Em Operação da Polícia Civil realizada nesta terça-feira (27), sete mandados de busca e apreensão foram efetuadas, sendo nas cidades de RolantePorto Alegre, Canoas, São Leopoldo e na Penitenciária Modulada de Montenegro, ações foram resultado de trabalho investigativo promovido conjuntamente pelas  delegacias de polícia de Rolante, Três Coroas e Igrejinha

Segundo informações, as investigações foram voltadas primordialmente à apuração de dois crimes de roubos cometidos em Rolante nos meses de setembro e outubro deste ano, ocasião em que assaltantes que se identificavam como policiais civis em cumprimento de mandados de busca e apreensão executavam os crimes.

Durante as investigações, foi possível relacionar os dois assaltos com organização criminosa destinada a fraudes imobiliárias, investigada pela DP de Três Coroas no primeiro semestre deste ano, na chamada Operação Faraó. 

Os roubos foram direcionados a pessoas que, de alguma forma, tinham relação com o articulador principal das fraudes, também morador de Rolante e que atualmente está recolhido na Penitenciária de Montenegro, sendo que a família do roubo praticado em Rolante no mês de setembro figura como uma das principais vítimas da referida organização de estelionatários, tendo o mesmo tipo de assalto ocorrido dois meses antes em Taquara, igualmente junto a residência de vítimas das fraudes perpetradas pelo mesmo grupo.

Tiveram prisões preventivas decretadas o mentor dos estelionatos da operação Faraó, tendo sido realizado cumprimento de mandado de busca e apreensão em sua cela na Penitenciária Modulada de Montenegro; um morador de Canoas, localizado e preso durante as diligências realizadas naquele município; e um morador de São Leopoldo com vínculos na cidade de Igrejinha, o qual era detento da Penitenciária de Montenegro e recentemente foi confirmado como um dos seis criminosos mortos na cidade de Caxias do Sul no início do mês de outubro, durante confronto promovido por integrantes de facção com origem no Vale dos Sinos e a BM.




ATENÇÃO:Os comentários postados abaixo representam a opinião do leitor e não necessariamente do nosso site. Toda responsabilidade das mensagens é do autor da postagem.

Deixe seu comentário!

Nome
Email
Comentário


Insira os caracteres no campo abaixo:








Nosso Whatsapp

 (51) 99648 3615

Visitas: 1911918
Usuários Online: 104
Copyright (c) 2020 - Conexão Noticias - Informação na palma da sua mão